O que fazemos | Angioplastias / Implantes de endopróteses

A angioplastia é um procedimento médico na qual uma estenose (estreitamento) vascular é dilatada utilizando-se um cateter-balão. O uso clínico da angioplastia já existe a várias décadas, sendo utilizada inicialmente para artérias dos membros inferiores e para as artérias do coração (artérias coronárias). Hoje é possível realizar a dilatação de estenoses de praticamente qualquer artéria ou veia do corpo humano devido aos grandes avanços na qualidade do material, na tecnologia dos angiógrafos e hemodinâmicas (aparelhagem médica necessária para realizar o procedimento) e do aprimoramento das técnicas cirúrgicas e radiológicas envolvidas neste tipo de tratamento.

É possível também realizar o implante do stent ou endoprótese na artéria ou veia que desejamos manter aberta. O stent ou endoprótese é um material médico em forma de um pequeno tubo perfurado, introduzido no local desejado através do cateterismo (geralmente feito por punção na virilha ou no braço), que possui força radial suficiente para manter o fluxo daquele local.

As angioplastias e os implantes de stents / endopróteses relacionadas a Radiologia Intervencionista podem ser realizados em diversas áreas do nosso organismo, como por exemplo:

  1. Angioplastia de Carótida (realizada para desobstrução de estenoses na artéria carótida)
  2. Angioplastia dos membros inferiores (realizada para desobstrução de estenoses nas artérias das pernas)
  3. Angioplastia renal (realizada para desobstrução de estenoses na artéria do rim)
  4. Angioplastia mesentérica (realizada para desobstrução de estenoses nas artérias intestinais)
  5. Angioplastia de Fístulas para Diálise (realizada para desobstrução de estenoses nas fístulas nos pacientes submetidos a hemodiálise)
  6. Dentre outras...

Estes procedimentos são minimamente invasivos, pois são realizados através de pequeno furo na virilha ou no braço. Além disso o tempo de internação é muito mais curto quando comparados a cirurgia convencional, girando em torno de 24 a 48 horas. A recuperação pós operatória é também rápida, onde o paciente volta a suas atividades usuais alguns dias após o procedimento.

Exemplo de paciente submetido a angioplastia de estenose grave na artéria poplítea. Na primeira foto observamos estenose acentuada da artéria poplítea. Na foto ao lado o resultado satisfatório após a angioplastia.
Exemplo de paciente submetido a angioplastia de estenose grave na artéria poplítea. Na primeira foto observamos estenose acentuada da artéria poplítea. Na foto ao lado o resultado satisfatório após a angioplastia.

Marque sua consulta

Escreva seu nome, email e telefone que entraremos em contato para agendarmos a sua consulta.

Nome
E-mail
Telefone